Sabe aquelas noites em que você se deita para dormir e um milhão de pensamentos transita pela sua mente? Quando você fica parecendo uma minhoca na areia quente se virando de um lado para o outro na cama preocupado com as atribuições do cotidiano? Pois este é um sinal de alerta. Você pode ter a Síndrome do Pensamento Acelerado.

A Síndrome do Pensamento Acelerado atinge principalmente, pessoas adultas que trabalham em locais que exigem atenção e concentração constantes, nos quais é preciso lidar com metas e prazos e que estão aliados a uma série de responsabilidades e compromissos. Apesar da prevalência nos adultos, já percebe-se vários sinais desta síndrome em crianças e a cada vez mais novas.   A Síndrome do Pensamento Acelerado é caracterizada por pensamentos recorrentes principalmente durante a noite que perturbam a qualidade do sono. Na SPA uma gama de pensamentos estão rondando a mente e o individuo não consegue deixar de se preocupar com eles naquele momento, nem manter sua atenção fixa neles. A SPA não está relacionada apenas com a quantidade de conteúdo, mas principalmente com o ritmo que eles assumem. Um pensamento é substituído pelo próximo, sem que eles sejam devidamente processados, o que inviabiliza o descanso emocional e psíquico.

Podemos atribuir a crescente ocorrência da síndrome à quantidade de informações que recebemos diariamente das mais diversas formas. Esse excesso propicia o desenvolvimento de novas doenças e condições mentais que estão diretamente relacionados com o nosso atual estilo de vida.

A imensa quantidade de informação às quais somos submetidos a todo o momento é responsável pela sobrecarrega do cérebro e saturar o córtex, causando hiperatividade e impaciência. Na atualidade é freqüente as pessoas estarem, diante da tela do computador, realizando alguma tarefa e concomitantemente, o navegador ter várias outras abas abertas: Facebook, Twitter, YouTube, ou mesmos um portal de notícias… e junto a tudo isso  o  celular vibrando com algumas mensagens e grupos de  Whatsapp que não deixam você em paz.Sem contar as outras preocupações em sua mente  que oportunizam a criação de um série de pensamentos que se relacionam e que exigem grande dedicação das funções cerebrais. Desta maneira esta projetado o cenário propício para a Síndrome do Pensamento Acelerado.

Dentre os sinais que caracterizam esta síndrome devemos mencionar sensação persistente de apreensão, dificuldade de memória, déficit de concentração, fadiga, irritabilidade e sono alterado. O indivíduo tem dificuldade de se concentrar e de realizar uma tarefa sem interrompê-la inúmeras vezes. Outro ponto importante é a sensação constante de que 24 horas não são suficientes para realizar todas as atividades que necessita.

Este quadro tem como conseqüência um esgotamento mental que também é convertido em cansaço físico, pois a alta atividade cerebral acaba exigindo energia de outras áreas, como músculos e na manutenção de outros órgãos.

As pessoas que apresentam essa síndrome possuem a consciência de que é necessário reduzir a velocidade de seus pensamentos, mas não consegue reduzir a intensa atividade à qual está submetido.

De acordo com a psiquiatra Elisa Brietzke, coordenadora do PRISMA (Programa de Reconhecimento e Intervenção em Estados Mentais de Risco) da Unifesp, a Síndrome do Pensamento Acelerado não é uma doença, mas um sintoma: “Geralmente está vinculada a um quadro de transtorno de ansiedade.”

Neste sintoma, geralmente esta associado a um quadro de transtorno de ansiedade que provoca a liberação de neurotransmissores como a adrenalina, ocasionando a ativação de uma série de circuitos cerebrais. Além de que  a ansiedade reduz temporariamente o fluxo sanguíneo no cérebro, o que dificulta a inibição da hiperatividade cerebral que desaceleraria os pensamentos.

Os efeitos da Síndrome do Pensamento Acelerado são potencializados em situações específicas, como durante o sono e situações de ócio, quando não há distrações e ficamos a mercê de nossos próprios pensamentos.

Thais Martins Santos

Psicóloga da Clinlife

CRP 04 24 638

Related posts:

  1. Exercício X Síndrome Metabólica
  2. O pensamento ajudando no emagrecimento!
  3. O Pensamento Positivo
  4. Pensamento MAGRO pode inspirar a perder peso com sucesso!
  5. Síndrome do Intestino Irritável